'A vida no Brasil é mais fácil para as mulheres' , diz paquistanesa - Imigrantes de sp

Ayesha Saeed, 32, Paquistão, 06.fev.2020