Imagem de carregamento

As negociações imobiliárias e o patrimônio de Flávio Bolsonaro

Compra

Venda

Lucro

Declaração de bens à Justiça

Eleitoral (em anos de eleição)

Ano

2002

Concorre a deputado estadual e é eleito pela primeira vez

2003

2004

2005

Adquiriu direitos de compra de apartamento na Urca por R$ 300 mil

Declara o imóvel à Justiça Eleitoral no valor de R$ 350 mil

2006

É reeleito deputado estadual pelo PP

2007

Faz contratos de compra de cinco salas em um prédio comercial na Barra da Tijuca

2008

2009

Valor declarado pelas salas: R$ 268.311,75

2010

Compra mais sete salas no prédio comercial da Barra

45 dias depois, em novembro, vende as 12 salas para empresa ligada ao Panamá

Obteve lucro de ao menos R$ 300 mil

Declara o imóvel à Justiça Eleitoral no valor de

R$ 350 mil

É reeleito deputado estadual pelo PP

2011

2012

Compra apartamento em Copacabana, de um americano, por R$ 140 mil

No mesmo dia, compra outro apartamento em Copacabana, de outro americano, por R$ 170 mil

Vende um dos apartamentos de Copacabana por R$ 570 mil

2013

Vende o outro apartamento de Copacabana por

R$ 550 mil

2014

Lucrou R$ 810 mil

Compra apartamento na Barra da Tijuca, em frente à praia, por R$ 2,55 milhões

Vende apto. da Urca por R$ 1,475 milhão

Declara imóvel em Laranjeiras pela primeira vez, mas só registra a compra em 2016

Obteve lucro de R$ 1,175 milhão

É reeleito deputado estadual

Abre uma filial da Kopenha-

gen num shopping da Barra da Tijuca, junto com um sócio

2015

Registra compra de imóvel na planta em Laranjeiras por R$ 1,753 milhão

2016

Declara R$ 50 mil pela loja

Declara R$ 851,1 mil como 50% do aparta-

mento na Barra da Tijuca

Declara o apartamento

no valor de R$ 423.016,54

Concorre a prefeito do Rio de Janeiro pelo PSC, mas não é eleito

Vende imóvel de Laranjeiras. Na escritura o imóvel passa a valer R$ 2,4 milhões. Recebe, em troca:

2017

Uma sala comercial na Barra da Tijuca (R$ 300 mil)

E um aparta-

mento na Urca (R$ 1,5 milhão)

Além dos dois imóveis, recebe

R$ 600 mil

em dinheiro

Obteve lucro de

R$ 650 mil

Em maio, vende apto. na Urca por R$ 1,1 milhão

2018

Teve prejuízo de R$ 400 mil

Declara R$ 50 mil pela loja da Kopenhagen

Declara R$ 917.038,09 por apto. na Barra da Tijuca

Declara R$ 150 mil pelas salas comerciais na Barra da Tijuca

Concorre a senador pelo PSL e é eleito; assume mandato em 1º.fev.19

As negociações imobiliárias e o patrimônio de Flávio Bolsonaro

Compra

Venda

Lucro

Declaração de bens à Justiça Eleitoral (em anos de eleição)

Ano

Concorre a deputado estadual e é eleito pela primeira vez

2002

2003

2004

2005

Adquiriu direitos de compra de apartamento na Urca por R$ 300 mil

Declara o imóvel à Justiça Eleitoral no valor de R$ 350 mil

2006

É reeleito deputado estadual pelo PP

2007

Faz contratos de compra de cinco salas em um prédio comercial na Barra da Tijuca

2008

2009

Valor declarado pelas salas:R$ 268.311,75

2010

Compra mais sete salas no prédio comercial da Barra

45 dias depois, em novembro, vende as 12 salas para empresa ligada ao Panamá

Obteve lucro de ao menos R$ 300 mil

Declara o imóvel à Justiça Eleitoral

no valor de R$ 350 mil

É reeleito deputado estadual pelo PP

2011

2012

Compra apartamento em Copacabana, de um americano, por R$ 140 mil

No mesmo dia, compra outro apartamento em Copacabana, de outro americano, por R$ 170 mil

Vende um dos apartamentos de Copacabana por R$ 570 mil

2013

Vende o outro apartamento de Copacabana por

R$ 550 mil

2014

Lucrou R$ 810 mil

Vende apto. da Urca por R$ 1,475 milhão

Compra apartamento na Barra da Tijuca, em frente à praia, por R$ 2,55 milhões

Obteve lucro de

R$ 1,175 milhão

Declara imóvel em Laranjeiras pela primeira vez, mas só registra a compra em 2016

É reeleito deputado estadual

Abre uma filial da Kopenhagen num shopping da Barra da Tijuca, junto com um sócio

2015

Declara R$ 50 mil pela loja

2016

Registra compra de imóvel na planta em Laranjeiras por R$ 1,753 milhão

Declara R$ 851,1 mil como 50% do apartamento na Barra da Tijuca

Declara o apartamento no valor de R$ 423.016,54

Concorre a prefeito do Rio de Janeiro pelo PSC, mas não é eleito

2017

Vende imóvel de Laranjeiras. Na escritura o imóvel passa a valer R$ 2,4 milhões. Recebe, em troca:

Uma sala comercial na Barra da Tijuca (R$ 300 mil)

E um apto. na Urca (R$ 1,5 milhão)

Além dos dois imóveis, recebe

R$ 600 mil

em dinheiro

Obteve lucro de

R$ 650 mil

2018

Em maio, vende apto. na Urca por R$ 1,1 milhão

Teve prejuízo de R$ 400 mil

Declara R$ 917.038,09 por apto. na Barra da Tijuca

Declara R$ 50 mil pela loja da Kopenhagen

Declara R$ 150 mil pelas salas comerciais na Barra da Tijuca

Concorre a senador pelo PSL e é eleito; assume mandato em 1º.fev.19